A saúde do Futebol depende dele se libertar da Rede Globo! O Futebol NÃO é vermelho e preto! A FlaPress existe! Sem ter quem
    acredite nela, a mentira não anda. Combata a FlaPress repassando a verdade que você já sabe para amigos NÃO flamenguistas.
Data da publicação: domingo, 22 de março de 2015
Postado por Edu Luz

Análise do Botafogo - Jogo válido pela 11ª rodada do Campeonato Carioca 2015





COLUNA DO BOTAFOGO








Lembrete: Minhas matérias são livres de manipulações e distorções muitas vezes encontradas mídia afora. Então aproveite e compartilhe com seus amigos! :)

     


      Cabofriense x Botafogo























Rodada: 11ª rodada do Campeonato Carioca 2015
Local: Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé (RJ)
Data: 22 de março de 2015, domingo
Horário: 16h (de Brasília)

Escalação: Renan, Gilberto, Renan Fonseca, Diego Giaretta, Carleto, Willian Arão, Fernandes, Tomás (->Sassá), Diego Jardel (->Gegê), Jóbson e Tássio (->Rodrigo Pimpão)
Técnico: René Simões





A partida:

A partida começou com excelentes defesas de Renan, que impediu o gol da Cabofriense em bela defesa logo no primeiro lance do jogo. Aos dois, fez mais duas grandes defesas para novamente evitar que a Cabofriense abrisse o placar. A torcida agradeceu, gritando o nome do goleiro.

Mesmo com a posse de bola, o Botafogo sofria com a falta de criatividade do meio campo. Sem Marcelo Mattos, Willian Arão ficou recuado e pouco ajudava nas ações ofensivas.

Aos 41, Renan, de novo, salvou o Glorioso. Em cabeçada do atacante e também no rebote, o goleiro botafoguense impediu o gol da equipe da Cabofriense. Um 1º tempo com poucas chances de gol por parte do Botafogo. Na saída de campo, alguns jogadores da Cabofriense elogiaram o arqueiro em entrevista.

No 2º tempo, o Botafogo voltou com Sassá no lugar do Tomás, aberto pela direita e com Jóbson do lado oposto, René pretendia criar mais chances para o centroavante Tássio. Não foi exatamente o que aconteceu, mas a equipe melhorou. Aos 7, Jóbson marcou, mas impedido, teve seu gol corretamente anulado.

Aos 21, Gilberto roubou a bola e lançou. Sassá ganhou na velocidade, levou pela direita e soltou uma bomba, vencendo o goleiro para abrir o placar! GOL DO BOTAFOGO!!

CABOFRIENSE 0x1 BOTAFOGO

Perto do fim, Sassá saiu machucado, o que complicou a equipe, que já tinha feito as três substituições e ficou com apenas dez em campo. Mesmo com um a menos, o Bota segurou o resultado e pôde comemorar a vitória!


    Foto: Vitor Silva / SSPress


Análises:

1 - Renan. O nome do jogo com suas belas defesas que ajudaram o Glorioso a sair de Macaé com os 3 pontos!

2 - Gilberto. Tem se postado bem em campo, e apesar de não ter feito uma partida condizente as suas atuações anteriores, continua acima da média.


Finalizando:

Mais uma vez, o Botafogo deixa para fazer seus gols na segunda etapa. Dos 24 gols até agora, 17 foram marcados no segundo tempo. Resta saber se é uma coincidência, estratégia do time ou se é a boa condição física dos jogadores que aguentam manter o ritmo de jogo durante mais tempo.

Com o resultado, o Botafogo lidera o Campeonato Carioca, com 28 pontos. 2 a frente do Madureira.

Postada por Edu Luz. Você pode receber as próximas postagens do Aqipossa assinando gratuitamente nossa NEWSLETTER.

Divulgue esse artigo